Welcome!

Olá! Sejam todos bem-vindos ao meu espaço literário. Aqui você encontrará a maior parte de minhas obras.
Fiquem à vontade, para ler, comentar, divulgar, etc.
Um forte abraço!

"Poesias d'alma e do coração, que só pela alma e pelo coração devem ser julgadas." (Gonçalves de Magalhães)

terça-feira, 12 de julho de 2011

Apenas Você


Apenas Você


Meu olhar fixou-se a ti

Desde a primeira vez que tocaste minha vida

E com meu próprio erro

Corações parti.


Minha vida se fez perfeita

Ao te beijar.

Te ver e não te abraçar,

É como na dor não chorar;

Te ver e não te ter,

É como nos espinhos do sofrimento

Morrer.


Podes em minhas palavras

Não acreditar;

E do meu amor duvidar.

Mas saibas que o meu verdadeiro amor

Dou a ti.

Dos meus lábios não quero ver

Os teus partir.

Neste momento pelo teu amor,

Estou a me desesperar;

És a única, bela e perfeita.

Meu coração sabe apenas a ti...

...AMAR...


Daniel Martins

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito perfeito o poema...Tu escreve muito bem Dani,parabéns mesmo!!!

    ResponderExcluir